quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Você sabe o que é amar?

Você bem que poderia me dizer o que é amar.
Quando se ama verdadeiramente e não recebe nada, e se sente um nada, diante dos outros.
Você bem que poderia me dizer o que é amar.
Diante de tudo, eu tentei.. saber decifrar os teus problemas e tentar ao menos ser uma ajuda, buscar em nós alguma coisa que nos complete e que faria esquecer o passado.
Por mais, eu tentei. Eu busquei, eu aprendi, eu errei.
Agora eu me sinto, se isso é sentir que vou vender meu coração para algum qualquer pra ver se alguém ama, pois, já entreguei o mais dificil que eu tinha, e foi vendido facilmente para o esquecimento.
Eu doei o que eu tinha de melhor, tentei te ajudar em tudo, abri meus preconceitos e os deixei de lado, pra te guardar comigo. (Sim, eu tinha muitos preconceitos)
Reservei meu tempo para você, colhi você em todo o meu tempo, dia a dia, noite a noite, e a segurança que eu tinha fui perdendo, a desconfiança crescendo, e o meu amor acabando.
Você bem que poderia me dizer o que é amar.
Se amar é sofrer, eu já sofri demais. Perdi o que eu tinha de melhor, para poder te dar. A minha calma já se foi, hoje eu te evito, para depois te ver e não sentir mais nada, além de pena, de desconfiança.
Você bem que poderia me dizer o que é amar.
Se isso é amor? Se isso você conquistou? Você poderia ter conquistado tantas coisas boas, e eu ter colhido o que eu queria tanto, era ralmente te ter. Mas, não foi.
A minha glória é ter tido um sentimento mais que verdadeiro, como nunca eu tive antes, e não vender esse sentimento pelo sexo nem muito menos para ganhar vantagem.
Eu plantei, não colhi. mas, pelo menos eu sei plantare quem sabe alguém algum dia vai colher junto comigo o fruto do nosso amor e ser feliz como eu quero ser.

2 comentários: